Artigo 2 – Seguro de Estoques

postado em: Artigos | 0

Cuidados na Emissão de uma Apólice de Seguro para Estoques

Por: Antonio Carlos Araujo

Quando o assunto é contratação de uma apólice de seguros para estoques, geralmente os corretores oferecem pacotes prontos, com as coberturas usuais para incêndio, roubo, furto, queda de raio, enchente, explosão, etc…

Lembro-me de um sinistro ocorrido em um cliente, que gerou prejuízo relevante.  Uma empresa, do segmento de eletrônicos, com uma política de salvaguarda de ativos muito bem planejada. Tudo ia bem até que um assalto de proporções cinematográficas ocorreu no CD da empresas causando um prejuízo que ultrapassou a casa dos R$700.000,00.

A investigação policial que se seguiu confirmou o envolvimento de um empregado, que atuava como Assistente de Serviços Gerais no Estoque. Ele, além de repassar todas as dicas para a quadrilha, também estive presente na ação, guiando-os na hora do sinistro.

Ai veio a grande surpresa e decepção…!!

A Apólice contratada não tinha “CLÁUSULA DE FIDELIDADE”, por consequência a Seguradora se negou a pagar o sinistro, e com isso a empresa teve que amargar o prejuízo.

Tempos depois, conversando com outros profissionais da área, realmente pude constatar que esse tema é muito restrito. Raros são os profissionais que  conhecem e oferecem essa cobertura para seus clientes. Não é um produto de prateleira e se o cliente não solicitar a inclusão, as Apólices são emitidas sem essa Cláusula.

Funciona assim.

Em Seguros de Proteção à Estoques, a “CLÁUSULA DE FIDELIDADE”, quando contratada e estando presente na Apólice, fornece cobertura contra a participação de empregados, gerentes, diretores e sócios, em qualquer ação que atente contra o patrimônio da empresa.

Veja na prática algumas ações que podem levar a negativa da cobertura por parte da Seguradora:

  • O empregado ou prestador de serviço, com ou o sem dolo, repassar alguma dica ou informação sobre a empresa que facilite, incentive ou promova ação criminosa;
  • O empregado ou prestador de serviço; no intercurso do sinistro, ainda que rendido; entrar com a senha normal ao invés da senha de pânico do sistema de alarme e vigilância eletrônica.

Os agentes de sinistro das Seguradoras são treinados a acompanhar as investigações policiais que procedem ao roubo, com objetivo de poder verificar e confirmar a participação de qualquer pessoa que possa justificar a negação de cobertura.

Infelizmente situações como esta são muito comuns e os problemas só vão aparecer em caso de sinistro. Muitas empresas contratam seguros com gerentes de banco e com corretores que utilizam produtos de prateleira, que não cobrem todas os tipos de sinistro.

Fica então o aprendizado e a dica. Na hora de fechar a Apólice de Seguro do estoque, pergunte ao seu corretor sobre “CLÁUSULA DE FIDELIDADE”. E, se lhe for conveniente, peça para ele incluir na sua apólice.

Quer saber mais…?  Entre em contato.

Deixe um comentário